sábado, 13 de abril de 2013

Dicas para uma gestação tranquila


O dia a dia da mulher muda bastante a partir do momento em que ela descobre que está grávida. Nesse período, o seu corpo trabalha intensamente para oferecer as condições necessárias ao desenvolvimento do bebê. Por isso, alguns cuidados são fundamentais para garantir a saúde da futura mamãe e da criança que está para chegar.


Evite fumar

Os componentes do cigarro podem gerar lesões na placenta, aumentando a chance de aborto, descolamentos de placenta ou de parto prematuro. Segundo o ginecologista e obstetra Domingos Mantelli Borges Filho, quando a gestante fuma, a criança tem mais chance de apresentar problemas respiratórios e ter seu peso reduzido. “Os movimentos torácicos do feto podem ser retardados. Além disso, o leite materno é produzido em menor quantidade e menos gordura e fica com um sabor desagradável para o bebê.

Evite ingerir bebidas alcoólicas

No Brasil, o Ministério da Saúde recomenda que as futuras mamães fiquem longe do álcool ao longo dos nove meses de gestação. Alguns especialistas, no entanto, permitem que a gestante beba uma pequena taça de vinho ou um copo de cerveja em ocasiões especiais. O ideal é ingerir o mínimo possível de bebida alcoólica, de preferência as que contenham pouco álcool.

Produtos de limpeza

A gestante deve evitar a inalação de produtos como amoníaco, água sanitária e outros que possuem odores fortes. O contato com pesticidas pode gerar desenvolvimento deficiente do raciocínio do bebê e atraso em funções cerebrais, como compreensão de tamanhos, habilidades para contas e identificação de padrões bastante simples. Por isso, é aconselhável o uso de máscara no nariz e luvas plásticas ao manusear essas substâncias.

Atividades físicas

O exercício físico melhora a digestão, o apetite, a função cardiovascular e o sono da gestante, além de aumentar a flexibilidade e o tônus muscular. Prefira exercícios leves, como caminhadas e ioga, e não deixe de consultar um médico antes de realizar qualquer atividade física.

Cuidados com o cabelo, a pele e os dentes

Permanentes,  tinturas com amônia ou outras substâncias tóxicas podem causar mal-estar e afetar o bebê, principalmente no primeiro trimestre da gestação. As hennas e os produtos sem amônia não fazem mal. Mesmo assim, antes de usá-los, não deixe de avisar seu médico. Durante a gravidez, a oleosidade da pele e do cabelo aumenta bastante devido às mudanças hormonais. Os cuidados dentários não podem ser esquecidos. A anestesia dentária, as obturações e as extrações raramente são contraindicadas.

Cafeína

O excesso de café acentua a perda de líquidos e pode causar insônia. “É melhor substituir o tentador cafezinho por sucos de frutas ou chás de hortelã, camomila ou erva-doce. O chá mate e o chá preto não são indicados porque têm cafeína”, afirma o obstetra.

Repouso

Os pés da gestante normalmente incham bastante devido ao aumento da circulação de líquido no organismo. Repousar por alguns minutos todos os dias com os pés elevados ajuda a minimizar o inchaço.

Viagens

Evite viagem muito longa. Caso ela seja necessária, procure interrompê-la com períodos de descanso de uns 15 minutos a cada duas horas.

Medicamentos

O uso de medicamentos durante a gravidez só deve ser feito com consentimento médico. Evite se automedicar, especialmente no primeiro trimestre, quando o feto ainda está em formação.

Alimentação

Uma alimentação leve e equilibrada é fundamental para uma gravidez saudável. Evite sal em excesso e não exagere no tempero para não ter problemas de pressão alta. O ideal é fracionar as refeições em pequenas porções ao longo do dia. Coma três frutas por dia e quatro variedades de verduras de cores diferentes. Prefira carnes magras. Iogurte desnatado nos lanches é uma ótima fonte de proteína.

GifGifGifGifGifGifGif