terça-feira, 16 de outubro de 2012

Tirar ou não as cutículas?


Tirar ou não tirar as cutículas é uma questão que gera dúvida entre as mulheres, ainda há muitas dúvidas sobre a forma correta de o fazer. O hábito mais comum é usar o alicate e remover toda aquela pele fininha que insiste em crescer ao redor das unhas e incomodar na hora de aplicar a cor. Entretanto, é importante saber que as cutículas não estão ali à toa. Elas têm a função de aderir às unhas e servir de proteção contra bactérias causadoras de doenças. Por isso não é aconselhável retirá-las sempre.
Sabendo disso, várias mulheres vêm mudando os hábitos e agora fazem as unhas sem retirar completamente as cutículas. É uma maneira de aliar beleza e saúde, por isso tem se tornado preferência.
Ao remover as cutículas, a pele fica exposta à penetração de produtos químicos, além de bactérias e vírus que podem causar micoses, infecções e até danos no crescimento da unhas.
Por isso, ideal é remover somente os excessos e empurrar o restante com uma espátula. Uma dica é fazer isso todos os dias após o banho, quando elas estão “molinhas”.
Além disso, as cutículas precisam estar bem hidratadas. Se elas estiverem secas, não há verniz que consiga deixar as unhas bonitas. Para solucionar este problema, existem diversos produtos para cutículas. A maioria deles tem propriedades nutritivas que tratam a pele, hidratam e amaciam as cutículas.

Fonte: Unhas Bonitas